domingo, 9 de março de 2008

CHAPEUZINHO PARA BEBÊ EM CROCHÊ PERUANO

Resolvi fazer essa peça depois que vi o trabalho da Melissa Masteguim http://melissamasteguim.blogspot.com/ no programa da Rita Maria. Ela fez o mesmo chapéu, com outro fio e com o auxílio de uma agulha de crochê peruano comum. Como a agulha comum não é flexível, ela fez a lateral do chapéu separado e depois pregou. Não tenho uma agulha desse tipo e queria muito fazer o trabalho. Daí, procurando em casa o que poderia utilizar, pensei na mangueira dágua por que o chapéu pedia que os pontos fossem menores pois era para um bebê, (no caso de fazer um trabalho grande poderia ter usado um pedaço de borracha daquelas que se usa em obra para passar fiação elétrica). Eu também poderia ter feito separado e depois pregar, mas quis mostrar aqui como seria bom se algum fabricante fizesse a agulha de crochê peruano mas de material bem flexível para que pudéssemos trabalhar peças circulares, como tapetes, toalhas e trilhos de mesa, e outras coisas que nossa imaginação pedisse. Minhas homenagens à amiga Melissa que cada dia tem se esforçado para nos ensinar coisas lindas e maravilhosas, e à Rita Maria que com seu carinho tem aberto as portas do seu programa a gente talentosa como a Melissa e tantas outras. Beijões!
MATERIAL: Linha Anne rosa e vermelho, agulha de crochê 2- 1,75 e mangueira dágua.

Com a linha rosa faça 5 correntinhas, feche em anel, faça 2 correntinhas e 10 meio pontos altos em torno. Faça carreiras em meio pontos altos em torno desse anel, suficientes para fazer o tamanho do alto da cabeça. No meu caso, fiz 14 carreiras. Observe que deverá fazer aumentos conforme for preciso a não permitir que o trabalho “emborque” ou fique franzido.

Quando completar a quantidade de carreiras suficientes, faça 1 carreira, sem fazer aumentos, pegando na mesma base da última carreira feita. Para isso, enfie a agulha por trás entre 2 pontos e pegando no mesmo lugar que pegou na carreira anterior.

Com isso, ficará uma outra carreira paralela à última. Cuide para que essa carreira fique com um número de pontos múltiplo de 5.

Com a agulha de crochê vá puxando laçadas nos meio pontos altos da carreira anterior, e colocando-as na mangueira, como se fosse uma agulha de tricô. Faça isso em torno de todo o trabalho.

Como esse trabalho está sendo feito em torno do alto do chapéu, dobre a mangueira para facilitar o trabalho...

... até chegar a última laçada a ser levantada.

Com a agulha de crochê pegue de uma só vez 5 alças da mangueira, faça 1 ponto baixo para prender e mais 4 pontos baixos.

Faça esse procedimento em torno de todo o trabalho. No final, prenda a primeira “argolinha” à última com 1 ponto baixo.

Faça 1 carreira de meio pontos altos e feche com 1 ponto baixíssimo.

Repita esse procedimento de levantar alças com o auxílio da mangueira e 1 carreira de meio pontos altos...

... por mais 2 vezes ou por quantas for preciso para fazer a lateral do chapeuzinho.

Com a linha vermelha faça meio pontos altos na carreira paralela deixada antes do início do uso da mangueira. Não reduza a quantidade de pontos da base e nem os aumente, para que quando juntar os dois lados fiquem com a mesma quantidade de pontos.

Faça carreiras suficientes a alcançar o mesmo tamanho da lateral.

Coloque paralelamente os dois lados do chapéu...

Faça meio pontos altos, em torno de todo o trabalho, unindo as duas partes,

ficando o vermelho como forro.

Isso fará com que o vermelho apareça por entre o vazado do trabalho. Ajuda também a dar sustentação a lateral do chapéu.

Com a linha rosa, faça a aba do chapeuzinho. Aumente de forma distribuída de forma fazer com que a aba fique sem emborcar e sem franzir.

Com a linha vermelha faça uma volta de biquinho na aba.

A minha aba ficou um pouco emborcada na borda de propósito, a fim de pode usa-la de duas formas diferentes. Assim...
... ou assim.

14 comentários:

Claudinha, disse...

Lily...eu sempre vejo nas opçoes de busca "croche peruano" mas nunca fui olhar...

agora to bege!

fikei olhando estes fios pra lá e pra e nao conseguia entender de onde vieram pra onde vão,,,kkkkkk

seu passo a passo ta maravilhoso, o xapeu ficou lindo demais da conta!!!

tudo fantastico!!! parabens!!!

Marly Pinheiro disse...

Obrigada querida! Você nunca vai ficar bege. No máximo, rosa choque... pq gente linda e chique como tu só fica rosa choque... talvez amarela de bolinhas roxas...rsrsrs... brincadeirinha... Mas é tão simples de fazer que achei que valia a pena mostrar. Beijão!

Angela Maria disse...

Vc está de parabéns!Lindos!!!

Marly Pinheiro disse...

Você também está, Angela! Teu blog é lindo demais. Já gravei nos meus favoritos e sempre passo por lá pra ver coisas novas. Quando terminar a obra da minha casa vou abrir minha máquina de tricô e teus ensinamentos e idéias vão me ser muito úteis. Beijão!

Fátima disse...

O MUNDO SERIA PERFEITO...
SE TODO DIA FOSSE SABADO.
SE TODA NOITE TIVESSE FESTA,
SE TODO CIDADE FOSSE PRAIA,
SE TODO MAR FIZESSE ONDA,
SE TODA ESTAÇÃO FOSSE VERÃO,
SE TODO AMIGO FOSSE UM IRMÃO,
SE TODO NAMORADO FOSSE FIEL,
SE TODA MÚSICA FIZESSE REFLETIR,
SE TODO CÉU TIVESSE ESTRELA,
SE TODO HOMEM FOSSE GATO,
SE TODO FERIADO FOSSE CARNAVAL.
SE TODAS AS PESSOAS ENCONTRASSEM
AMIGAS MARAVILHOSAS

COMO...
VOCÊ.

BEIJOS E TENHA UMA OTIMA SEMANA.
FÁTIMA

JoJosho disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Fabiana Tavares disse...

Olá Marly,
Adorei o chapéu, a idéia do tudo flexível é o máximo, eu fazia o crochêperuano separado e depois agregava a peça. Vou tentar seguir sua idéia!
Tenha uma ótima quinta feira!!!!
Bjs
Fabi

Doce Pontinhos -Cintia Caldas- disse...

Oi Amiga.
AMEI...AMEI...
Muito legal seu passo-a-passo.
Parabéns
Cintia

Fenrisar disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Sandra disse...

Olá ,Marly
Adorei seus trabalhos com cactos.É simplesmente divino!Adoro cactos mas desisti deles a muito tempo porque deixam aqueles pelinhos nas mãos mas agora vou decorar minhas janelas.Amei!
Você está de parabéns.
Sandra

Elisete disse...

Que lindo, e como sempre o seu passo a passo foi excelente.
Milhões de parabéns.
Beijos

Margarida disse...

Lily é muito lindo o chapéu, dificil de fazer não?
Gostei muito dos teus trabalhos
bjs
Guida

Iris disse...

Olá Marly, lindisso o seu trabalho e muito bem explicado....tentarei fazer um. Parabéns!
beijos
Iris

janinhacrochê disse...

Nossa, vc é muito habilidosa, gostei demais do chapeu. parabéns.